To boldly go

Military-ncc1701-logo1

Há exatos 45 anos, o primeiro episódio da série original de Star Trek foi ao ar nos Estados Unidos. Como fã de ficção científica, admito que prefiro histórias mais distópicas do que as aventuras de Kirk e cia. Provavelmente é esse o motivo de minha série favorita do universo Star Trek ser Deep Space 9. Ainda assim, existe algo especial no futuro utópico imaginado por Gene Rodenberry. Os valores humanistas do autor permeiam todas as séries e filmes. Para Rodenberry, a racionalidade e a ciência permitiriam aos humanos superar seus preconceitos, erradicar a pobreza, acabar com as guerras. Por mais ingênuo que pareça, a verdade é que um sem-número de pessoas se inspiraram no show e tornaram-se cientistas, inventores e astronautas – sem contar a inspiração de, nos anos 1960, ver uma mulher negra como uma oficial inteligente e competente, parte do comando de uma nave especial. Ou, durante a Guerra Fria, ver um russo cooperando com americanos. Ou, vinte anos depois da Segunda Guerra Mundial e dos campos de internação estabelecidos nos Estados Unidos, ver um descendente de japoneses como herói de uma série de TV. Star Trek sempre teve uma mensagem. Para além do entretenimento, a série dizia a seus espectadores: sejam melhores. Mesmo 45 anos depois, é uma mensagem que vale a pena escutar.

Tagged , ,

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: